O QUE VOCÊ NÃO DEVE FAZER NUMA ENTREVISTA DE EMPREGO


Data: 08/08/2017 16:13

 

Muitas pessoas ao participarem de uma entrevista de emprego, acabam se empolgando e falando o desnecessário. Alguns selecionadores utilizam técnicas para deixarem os profissionais bem à vontade. E essas técnicas, muitas vezes funcionam para que o selecionador não aprove o candidato.

Além de um currículo bem elaborado, com clareza e objetividade, o Candidato deverá deixar espaço para poder apresentar as suas competências e seus principais feitos durante a sua entrevista de emprego.

Durante esses oito anos de RH Shopping, costumo formalizar uma apresentação básica aos Candidatos, a fim de que possam ser melhor avaliados. Para tanto, é importante seguir as principais regras:

Ao elaborar o CV cuidado para não se autoqualificar de maneira equivocada:

Existem pessoas que tem um perfil mais introspecto, mais discreto. Até aí não há nada errado com isso, pois existem oportunidades que buscam este tipo de perfil. Vagas que precisam de maior atenção, concentração, como áreas de controladoria, financeira, dentre outras. No entanto, alguns candidatos acabam se autoqualificando como pessoas extrovertidas e desenvoltas com o público. Quando esta pessoa é chamada, a autoqualificarão e a busca pela oportunidade que busca não condizem, ocasionando, portanto, uma reprovação. Daí a necessidade de buscar uma oportunidade de acordo com as suas reais auto qualificações e/ou formação, de maneira autêntica.

Entenda sobre a empresa em que será avaliado:

Todo convite de entrevista que o Candidato tiver, este deverá ler sobre a empresa a fim de buscar algum tipo de identificação sobre a empresa em que será avaliado. Muitas citam sobre suas políticas no site. Penso que missão, visão e valores falam muito sobre a identidade da empresa. E, se o candidato sentir identificação com os valores da empresa, meio caminho andado, e o contrário é verdadeiro. Afinal, o candidato não é só escolhido, ele também escolhe, pois o casamento profissional, precisa ter um SIM de ambas as partes, para que este tenha durabilidade e crescimento.

Durante a entrevista, apresente as suas reais competências:

Durante uma entrevista, o selecionador muitas vezes avalia seus candidatos utilizando a metodologia CHA, onde observa os Conhecimentos, Habilidades e Atitudes dos Candidatos. Neste momento, costumo orientar os Candidatos para aproveitar o breve tempo em que está tendo a oportunidade em ser ouvido, para comentar os seus feitos, realizações e entregas e não o contrário. Alguns candidatos fazem exatamente o contrário, usam o tempo da entrevista para se queixarem dos antigos gestores, lamentarem as suas dificuldades ou comentam ainda que não tiveram chance de crescimento pedindo demissão, e quando melhor identificado, este tinha menos de um ano de experiência de empresa. Não dando tempo suficiente para o empregador avaliar melhor as suas competências e promove-lo com o mérito do seu serviço.

Saiba como se despedir do entrevistador:

No final da entrevista, caso tenha alguma dúvida que seja pertinente sobre a oportunidade, como por exemplo, “a vaga é para início imediato”? “Quando será o feed back do processo seletivo”? Ou ainda, “tem mais alguma informação sobre o meu currículo em que poderei esclarecer”? Vale também comentar o seu interesse e disponibilidade pela oportunidade, bem como o gosto pelo novo desafio.

Não deixe de agradecer a participação pela oportunidade e reitere o seu interesse pela vaga de maneira breve, sem se alongar na despedida.

Essas são algumas das atitudes que zelam por uma boa apresentação pessoal, com chances maiores de vender o seu marketing pessoal, através do reflexo de uma postura madura e equilibrada.

 

Em situações inusitadas, nunca abra mão do bom senso.

Boa entrevista!

Elen Horn

RH Shopping

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *